Verde & Amarelo, a coluna de Luiz Dias

Luiz Dias (JiuJitsuPortugal.com)

Bebendo na fonte, por Luiz Dias

BEBENDO NA FONTE! Tive recentemente a oportunidade de dar um treino na academia do GM Álvaro Barreto, aprender com ele detalhes do nosso Jiu Jitsu. Eu e mais alguns amigos tivemos uma grande oportunidade de passarmos umas horas treinando Jiu Jitsu com um faixa vermelha. Nada de posições inovadoras, mas fomos ali estudar, relembrar e praticar os fundamentos do Jiu

Luiz Dias (JiuJitsuPortugal.com)

Família Jiu Jitsu, por Luiz Dias

  Família Jiu-Jitsu Não é muito difícil, encontrarmos amigos que num passado recente já treinaram ou até conhecemos pessoas que começaram a treinar Jiu Jitsu, e depois de um tempo sumiram das aulas. Ou lutadores que entraram num campeonato, perderam na primeira luta e por conta disso nunca mais entraram em competições por acharem que não levam “jeito”, ou pensam

Luiz Dias (JiuJitsuPortugal.com)

Mudanças de hábitos, por Luiz Dias

  Mudança de hábitos* É muito recompensador para todo professor ver seus atletas buscarem por vontade própria um melhor desempenho, aumentarem seu rendimento aeróbico, baixarem de peso proporcionalmente como um reflexo de dedicação aos treinos. Nos treinos fico me lembrando de vários alunos que chegaram de uma maneira tímida, alguns bem acima do peso ideal sem a menor vontade de

Luiz Dias (JiuJitsuPortugal.com)

Treinar Jiu-Jitsu, por Luiz Dias

Treinar Jiu-Jitsu Treinar Jiu-Jitsu, é algo fantástico, o tempo pára. Os problemas ficam no lado de fora do dojo. O que acontece a partir do momento que amarramos a faixa é só o pensamento de lutar, ganhar, resistir, não bater, crer em nossas estratégias. Adrenalina correndo pelas veias, tudo que não diga respeito à luta sumiu. Vêm os treinos, apertos

luiz dias

Treino entre gerações, por Luiz Dias

   Treino entre gerações* Treinar Jiu-Jitsu tem um lado de exercitar a humildade, reconhecer  e respeitar a garra dos lutadores veteranos que ainda treinam; a própria luta te faz refletir sobre a vida. Do passar dos tempos e os lutadores continuarem no dojo, alguns amigos de treinos vão embora, outros chegam, existe sempre um momento que você sente que seu

luiz-dias-1024x803

Aquele que vence a si mesmo é invencível, por Luiz Dias

    ”Aquele que vence a si mesmo é invencível!”*           “Aquele que vence a si mesmo é invencível”, essa frase de um trecho do livro a Arte da guerra de Sun Tzu, pode ter uma grande aplicação prática no nosso jiu-jitsu . Nos treinos você vence a si mesmo se tornando invencível, quando você vence o seu medo de perder,

luiz dias

Para vencer vale tudo mesmo, por Luiz Dias

 “Para vencer vale tudo mesmo?”* Acredita-se que na China há uns 4000 anos os chineses usavam o chá “machuang” que possui um percentual alto de efedrina para potencializar os a força física e assim aumentar a produção do trabalho rural. Na dinastia Chen em 2700 a.C. esse chá era usado pelos lutadores chineses para dar força e mais vigor físico.

luiz-dias-1024x803

A prática e a repetição levam a perfeição, por Luiz Dias

“ A prática e a repetição levam a perfeição ! ” Que a prática leva a perfeição, todos sabem ou já ouviram essa máxima algumas vêzes. Mas poucos a entendem e a praticam consciente de seus resultados, quando, se trata de repetir as posições várias vêzes para treinar o golpe, e assim podem tornar o golpe mais “justo” ou para

luiz-dias-1024x803

Competir ou não, por Luiz Dias

“Competir ou não ?”* Competir ou não competir? Acredito que essa pergunta deve sondar a mente de todos os lutadores. Vou competir ou não? São os parceiros de treino da equipe que dão força, os amigos e a própria vontade do atleta, o desafio lançado pelo professor. Mas competir sempre é uma pressão, uma expectativa que fica com o atleta.

luiz-dias-1024x803

Depois de um tempo parado, como deve ser a volta aos treinos, por Luiz Dias

Voltar aos treinos depois de um tempo parado por qualquer motivo não é fácil. Você sabe como treinava, e sabe como os outros estão treinando, se preparando para campeonatos ou simplesmente lutando por prazer de estar nos tatames. Mas todos com um ritmo que você por conta da sua parada não está. Creio que aqui temos os dois lados desta situação. No primeiro é você est…

luiz-dias-1024x803

Ajuste seu foco para cada treino, por Luiz Dias

  “Ajuste seu foco para cada treino”*             Conversando com um amigo no dojo, observamos por acaso um treino em especial  entre vários treinos que estavam acontecendo naquele momento. Determinada dupla tinha um atleta mais graduado treinando mais solto, deixando o atleta menos graduado desenvolver seu jogo, deixando encaixar golpes, passando a guarda ele repunha a guarda em

luiz-dias-1024x803

A importância do professor de Jiu-Jitsu, por Luiz Dias

“ A importância do professor de Jiu-Jitsu “ *   É o aluno que escolhe seu professor, e refletem quase sempre como professor pensa e age. Dentro e fora dos tatames, na maneira de treinar com os mais graduados, de lidar com os iniciantes, com os mais fortes ou fracos. E cabe ao professor polir as atitudes de seus alunos,

7 de 8« First...45678