LIVRO PARA AS FÉRIAS: “CARLOS GRACIE – O CRIADOR DE UMA DINASTIA”

Carlos Gracie (JiuJitsuPortugal.com)

Um verdadeiro tesouro. Obrigatório para quem quer conhecer a história do Jiu-Jitsu brasileiro. Foto: JiuJitsuPortugal

 

Com quantos Gracies se constrói a história do Jiu-Jitsu? É provável que nem a família consiga responder rapidamente, considerando o numeroso clã e os diversos campeões de cada geração. Mas não há dúvida que se a pergunta for “Quem foi o responsável por começar essa história de sucesso?” Pensando nisso, Reila achou que era o momento de escrever um livro e resgatar a filosofia e os ensinamentos do seu pai, Carlos Gracie, o grande precursor da saga da família.

Aos 14 anos, Carlos teve seu primeiro contato com a luta. Apaixonou-se pelo desporto, mas não tinha idéia do rumo que a sua vida e as dos seus descendentes iriam tomar. As simples brincadeiras com os irmãos e as aulas que orientou em troca de um salário evoluíram ao ponto de marcar um estilo. Hoje, o Brazilian Jiu-Jitsu é uma modalidade reconhecida internacionalmente, ensinado em academias espalhadas pelos Estados Unidos, na Europa e no Japão.

Adepto da alimentação natural – criou a “dieta Gracie”, que se baseia na correta combinação dos alimentos -, Carlos identificou-se com uma filosofia de vida que lhe proporcionou uma saúde exemplar ao longo de 92 anos – o lutador morreu em 1994. Pregava abstenção do fumo, do álcool e… do sexo. Pode parecer uma contradição se levamos em conta os seus 21 filhos, frutos dos relacionamentos com 4 mulheres. Mas, para o lutador, a reprodução era a função mais importante do sexo, que, ele acreditava que quando praticado somente pelo prazer gera um gasto desnecessário de energia.

Pertencer a essa família é estar preparado para ter a vida muitas vezes revirada. Alvo da curiosidade da imprensa, os Gracies construíram uma imagem de poder e de força que se contrapõe à fisionomia serena e à estatura franzina do mentor do clã. E para fazer justiça ao pai, de quem herdou a perseverança e a obstinação, Reila lançou a si própria o desafio de remexer nas lembranças dos tios, sobrinhos, primos e amigos, falar sobre assuntos polémicos, revelar histórias que só poderiam ser contadas por alguém capaz de encarar cada episódio com a naturalidade de quem viveu tudo de perto, sem preconceitos ou tabus.

Editora: Record
Autor: REILA GRACIE