Festas de Lisboa 2013


Em Junho, mês dos Santos Populares, Lisboa está em festa, cheia de cor e de uma alegria contagiante. Junte-se à festa e participe naquela que é a maior manifestação da cultura e tradições populares da capital portuguesa. Todos os dias, a todas as horas, quer nos espaços públicos mais emblemáticos da cidade quer nas ruelas dos bairros históricos, há sempre alguma coisa a acontecer: animações de rua, concertos de fado, teatro e espectáculos, arraiais e marchas populares, entre muitas outras iniciativas para todos os tipos de público.

E à noite há bailarico nos bairros populares, aqui, como manda a tradição, não faltam a sardinha assada, o caldo verde, o pão com chouriço, os manjericos, a cerveja, o vinho tinto, muita música e muita animação. Para que viva intensamente as Festas de Lisboa, deixamos algumas sugestões da variada programação

De 1 a 30 as Festas de Lisboa regressam às ruas da cidade com uma programação cultural diversificada e algumas novidades. 


DESTAQUES

 

Os P.I.G.S. em festa

Espectáculo de abertura

Dia 1 de Junho, 17:00, na Praça Martim Moniz (metro: Martim Moniz) e às 19:00, no Rossio (metro: Rossio). Acesso livre.

Os P.I.G.S. em festa é nome do espectáculo de abertura das Festas de Lisboa. Neste teatro de rua o humorista Leo Bassi pretende abordar a crise de uma forma irónica e alegre a crise financeira que o país e outros países europeus atravessam, daí a sigla P.I.G.S. sendo esse o termo usado pelos economistas para se referirem ao grupo de países da Europa que estão a passar por uma grave crise financeira: Portugal, Irlanda, Grécia e Espanha.

 

Lisboa loves Fado

De 1 a 30 de Junho, sábados 18:00 no Panteão Nacional, Campo de Santa Clara (Alfama), domingos 15:00 no Museu dos Coches, Praça Afonso de Albuquerque (Belém). Dia 27 no Mosteiro dos Jerónimos (Belém).

O Lisboa Loves Fado 2013 é um evento que procura levar o Fado para novos cenários e ambientes, oferecendo uma nova experiência de fruição do Fado aliando Património Imaterial do Fado ao Património Histórico de Lisboa, nomeadamente com os Monumentos e Museus da cidade. A cada sábado, uma visita ao Panteão nacional, a cada domingo, um concerto no Museu dos Coches. No âmbito desta iniciativa, no dia 27 celebram-se os 50 anos de carreira do fadista Carlos do Carmo, no concerto memorável no Mosteiro dos Jerónimos.

 

Domingo, Dez da Noite e uma Guitarra

Dias 2, 9, 16 e 23 de Junho, 22:00, no Largo do Chafariz de Dentro (metro: Santa Apolónia). Acesso livre.

Do Fado para o Mundo, a iniciativa Domingo, dez da Noite e uma Guitarra volta a apostar na guitarra portuguesa, desta vez com o fado a misturar-se com outras músicas. A programação vai ao encontro dos novos caminhaos do Fado em ligação a outros géneros musicais.

 

Arraiais Populares

Celebrar Santo António

De 1 a 30 de Junho, nos bairros de Alcântara, Alfama, Alcântara, Belém,

Bica, Campo de Ourique, Castelo, Graça, Madragoa, Mouraria,

Penha de França, Sé, entre outros. Acesso livre.

Durante todo o mês, os vários bairros de Lisboa organizam os Arraiais Populares. Pelos pátios e ruas da cidade canta-se e dança-se ao som de música popular, ouve-se Fado, e saboreia-se a bela sardinha assada, chouriço e caldo verde.

 

Marchas Populares

Tradição ao longo da Avenida da Liberdade

Dias 7, 8 e 9 de Junho, 21:30, no Pavilhão Atlântico, Parque das Nações (metro: Oriente). Bilhetes 6 euros. Dia 12, a partir das 21:00, na Avenida da Liberdade (metro: Avenida), dia 30, a partir das 15:00, na Alameda dos Oceanos. Acesso Livre.

Lisboa, os 500 Anos do Encontro Cultural Portugal/ China, o quinto centenário da construção do Bairro Alto e o 125.º aniversário Fernando Pessoa são os temas que marcam esta 81.ª edição das Marchas Populares de Lisboa, desde a sua primeira e decisiva etapa no Pavilhão Atlântico até ao Desfile na mágica noite de véspera do Dia de Santo António, na Avenida da Liberdade. E, a fechar, as Marchas Populares deslocam-se para até ao Parque das Nações e a terminar as Festas de Lisboa’13 aí desfilarão uma vez mais.

 

Faz Música Lisboa!

Dia 22 de Junho, das 10:00 às 02:00, vários espaços de Lisboa. Acesso livre.

Doze palcos, Doze estilos de música, Doze concertos gratuitos por toda a cidade é o que oferece o festival Faz Música Lisboa, versão lisboeta do evento global Fête de la Musique, celebrado internacionalmente em Junho. No dia 22, músicos, profissionais e amadores de diversos estilos musicais, celebram a música ao vivo. No Jardim da Estrela haverá música do Brasil, no Jardim Amoreiras ouvem-se os Blues e Jazz no Botânico , no Museu Arpad Szenes é a vez da música clássica, músicas do mundo passam no Príncipe Real e sons de fusão no Rossio, e a música Folk faz ouvir no Chafariz da Mãe d’Água. O Fado ocupa lugar no Jardim do Torel e o Rock irá invadir a Avenida da Liberdade e o Largo Camões.

 

Uma Sardinha é Tudo

Exposição 10 anos de sardinhas nas Festas de Lisboa

A partir de 6 de Junho, na Fundação Millenium BCP, Rua Augusta (metro: Baixa/Chiado). Acesso livre.

Em 2013, a Sardinha celebra o seu 10º aniversário como marca das Festas de Lisboa. Esta exposição, procura ser uma retrospectiva da sua presença nas várias campanhas de comunicação das Festas de Lisboa e mostra, através da diversidade e pluralidade de trabalhos, uma história de envolvimento crescente entre a comunidade e o símbolo.

 

Festival Desassossego

A Festa da Poesia Luso-Brasileira

De 11 a 13 de Junho, na Casa Fernando Pessoa, Rua Coelho da Rocha 16 (Campo de Ourique).

Mais informação em http://casafernandopessoa.cm-lisboa.pt.

Acesso livre.

O Festival do Desassossego, em parceria com a Embaixada do Brasil, define-se como um encontro de poesia luso-brasileira, acompanhada por outras linguagens – vídeo, música e artes plásticas, e também como espaço de afirmação da Língua e da Cultura de expressão portuguesa no mundo.

 

Lisboa Mistura

Festival de músicas do mundo

Dias 13 a 15 e 20 a 23 de junho, no Castelo de Dão Jorge e na Praça Martim Moniz. Acesso livre.

Sonoridades de Marrocos, Índia, Congo, Nigéria, Mali, Bélgica e Venezuela vão invadir as muralhas do Castelo de São Jorge e o espaço multicultural da Praça Martim Moniz durante o projecto Lisboa Mistura, que se assume como um espaço de encontro entre pessoas, artes e artistas de várias proveniências.

 

Moonspell, Lisboa sob o Feitiço da Lua

Concerto de Encerramento

À banda portuguesa Moonspell cabe a tarefa de encerramento as Festas de Lisboa’13. O grupo que vai oferecer ao público uma versão expandida do seu espectáculo acústico “Sombra”. Nesta noite, os Moonspell serão acompanhados pelo quinteto de violoncelos e percussão Opus Diabolicum e pelas habituais coristas Crystal Mountain Singers. Para este concerto inédito a banda estendeu o convite a músicos portugueses e internacionais, e ao grupo de bellydance gótico Ignis Fatuus Luna, que adicionará a dança ao repertório da banda. As Festas de Lisboa encerram com um concerto único e irrepetível, sob um véu de misticismo e surpresa, numa noite de celebração da cidade.

Mais informações AQUI

YouTube Preview Image

YouTube Preview Image